Redação | 15/05/2017 Problema na ‘cozinha’: indefinição na zaga leva Flamengo ao mercado

Ainda sem garantias da permanência do capitão Réver, o Flamengo analisa o mercado em busca de alternativas para não enfraquecer o elenco. O Rubro-Negro sabe que terá que gastar para não desequilibrar o plantel, seja visando a permanência do camisa 15, que pertence ao Internacional, ou a chegada de uma cara nova, como confirmaram duas fontes ao Esporte Interativo.

Apesar das especulações envolvendo Éverton Ribeiro, a urgência no clube da Gávea é a situação de Réver, que está emprestado até o meio desta temporada. O jogador chegou em 2014 no Beira Rio por 1,5 milhão de euros e, por isso, o Colorado espera por compensação financeira. No Sul – para onde o jogador não quer voltar – o vínculo vai até o fim de 2018. Tanto Inter quanto Fla afirmaram não haver definição.
A ansiedade acaba sendo criada, mesmo tendo experiência. Tem aquele frio na barriga de tentar resolver a questão o quanto antes. Tento ficar tranquilo e focar no meu trabalho, para que isso não interfira no meu rendimento“, disse o defensor.

Se a preferência é por jogadores do futebol internacional e com “status de titular”, o mercado doméstico também pode ser opção para o Flamengo. Nesta semana, o empresário Juliano Davila garantiu ter recebido consulta pelo zagueiro Tiago, que está no Bahia. Tanto o Tricolor quanto o Flamengo negaram qualquer conversa. O jogador pertence ao Atlético-MG e está emprestado ao clube baiano.

Reprodução: Esporte Interativo

Untitled Document

Siga-nos nas redes sociais: